Conhecendo um pouco da Técnica Diversificada

A Técnica Diversificada é extremamente eclética e diferente das outras técnicas, não possui terminologia própria, como SOT e as categorias, Activator Methods e as possibilidades, Thompson e os Derifields, etc. Os termos usados são mais gerais como subluxação e ajuste.

Por ser uma técnica de Quiropraxia, seu objetivo ainda é o mesmo que as demais, encontrar e corrigir as subluxações. Para isso, os quiropraxistas que utilizam a diversificada valem-se da palpação, raio-x, leg check, termografia, e alguns outros métodos que determinam qual vértebra está comprometida e precisa de ajuste.

Esses ajustes, podem ser realizados através de manobras de alta velocidade como manipulação articular, mas existem também os procedimentos de mobilização e as ferramentas como Drop Table e instrumentos de ajuste. Não há uma regra ou padrão em termos de protocolo, que limite o quiropraxista nessa escolha.

Apesar de alguns optarem por ajustar somente a coluna, muitos dos quiropraxistas que aderem à diversificada trabalham com extremidades, e agregam terapias complementares para tecidos moles, instruções sobre bons hábitos posturais e nutricionais, etc. Tudo isso costuma depender da “escola” adotada pela Universidade.